quinta-feira, 2 de julho de 2020

Mulher branca discute e aponta arma para família negra nos EUA

0
Foto: Reprodução
Mãe e filha foram vítimas de racismo em Orion Charter Towship, em Michigan, nos Estados Unidos. Uma mulher branca apontou uma arma para Makayla Green, de 15 anos, e a mãe dela, Takelia Hill, durante uma discussão no estacionamento de uma lanchonete. As informações são do jornal Detroit News.


Segundo a jovem, a moça empurrou ela na entrada da lanchonete e começou a xingá-la. Makayla ligou para a mãe que foi até o local tirar satisfação. Takelia pediu para a mulher se desculpar o que não aconteceu. Em seguida, ela e a filha afirmaram que a mulher era ignorante e racista.
+ Repórter da Globo “foge” ao aparecer sem máscara e assusta Rodrigo Bocardi
“Você não pode simplesmente andar por aí chamando os brancos de racistas. Os brancos não são racistas, ninguém é racista”, rebateu a mulher antes de entrar no carro de um homem. Takelia pensou que eles a iriam atropelar e bateu no vidro do carro.
Neste momento, a mulher desceu do veículo com a arma em mãos. Takelia e Makyla ficaram na mira da arma por mais de um minuto.
“Afaste-se! Você não pula atrás do meu carro!”, gritou a mulher em meio a palavrões. Depois ela entrou no carro e foi embora. De acordo com Takelia, a família ficou traumatizada. Nas redes sociais internautas e autoridades comentaram o ocorrido.
“Michigan precisa de uma reforma de senso comum, e precisamos dela agora. As pessoas devem se sentir seguras no dia a dia e não precisam se preocupar em ter uma arma apontada durante um conflito”, disse a senadora estadual Rosemary Bayer.
No início da semana, um casal de brancos apontou armas para manifestantes em St. Louis, nos Estados Unidos. Os manifestantes caminhavam em direção à casa da prefeita Lyda Krewson para pedir sua renúncia.
Author Image
AboutGecinaldo Sousa

Soratemplates is a blogger resources site is a provider of high quality blogger template with premium looking layout and robust design